Noticias

  • Presidente interino favorece diálogo com chão de fábrica

    O presidente interino e diretor administrativo da NUCLEP, Carlos Henrique Silva Seixas, convocou todos os empregados para um diálogo na manhã desta terça-feira (05/09). O encontro lotou o Galpão Principal da fábrica, em Itaguaí, e diversificou o ambiente com a presença de variados setores da empresa.

    O presidente ressaltou a oportunidade de aproximar a comunicação com os trabalhadores da fábrica, abordando questões importantes através de um canal direto com os colaboradores. “Essa é a maneira mais clara de participar todos os empregados a respeito do que está acontecendo em nossa fábrica”, frisou.   

    Na ocasião, foram levantados tópicos como direitos trabalhistas e novos negócios da NUCLEP, tal qual a parceria com a Empresa Gerencial de Projetos Navais (EMGEPRON), por exemplo.

    Os colaboradores também puderam fazer perguntas e levantaram assuntos trabalhistas, como, por exemplo, horas in itineres e insalubridade, além de tópicos internos ligados à Associação dos Empregados da NUCLEP (AEP).

    Seixas finalizou a reunião ao colocar a Diretoria Executiva à disposição, deixando claro que sempre estará aberto a comunicação com todos os empregados.

  • NUCLEP marca presença no I Simpósio de Tecnologias Nucleares

    Na última segunda-feira (04/09), a NUCLEP compareceu ao I Simpósio de Tecnologias Nucleares, sediado na Escola de Guerra Naval (EGN), na Urca, Rio de Janeiro.

    O evento debateu a aplicação, o desenvolvimento e o estudo de tecnologia nas variadas atividades nucleares, além da divulgação de informações sobre o uso da energia nuclear para beneficiar a sociedade.

    O presidente interino, Carlos Henrique Seixas, e o diretor industrial, Rogério Borges representaram a empresa no simpósio. O gerente geral de Produção, Ademir Antonio Fraga Ribeiro, palestrou sobre a NUCLEP e suas principais obras. Outros gerentes e assessores também estiveram presentes.

    Empresas como a Eletronuclear, as Indústrias Nucleares do Brasil (INB) e a corporação elétrica americana Westinghouse contribuíram nas discussões. A organização do encontro ficou a cargo da Diretoria-Geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológico da Marinha (DGDNTM), ao lado da Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática (CCTCI) da Câmara dos Deputados e da Associação Brasileira para o Desenvolvimento das Atividades Nucleares (Abdan).

  • Regulamento de Compras da NUCLEP entra em vigor em setembro

    O Regulamento de Licitações e Contratos da NUCLEP estará vigente a partir do dia 1º de setembro de 2017, de acordo com a publicação da Ata do Conselho de Administração da empresa. O documento determina normas e procedimentos a serem cumpridos e praticados pela NUCLEP para contratação de obras, serviços e fornecimentos voltados para a sua atividade fim. O conteúdo do Regulamento está disponível na íntegra na aba de “Licitações” do site. 

     

    Anexo: 
  • NUCLEP prestigia 4º aniversário da Amazul

    No dia 16 de agosto, a Amazônia Azul Tecnologias de Defesa S.A. (Amazul) completou quatro anos de existência. A comemoração aconteceu na tarde desta terça-feira (22/08), na sede da Amazul, em São Paulo – SP, e contou com a participação da NUCLEP, representada pelo presidente interino, Carlos Henrique Silva Seixas, e o diretor comercial interino, Ricardo Corrêa.  Além da NUCLEP, outras importantes organizações atuantes na área de defesa e energia nuclear estiveram presentes.

    A Amazul foi concebida para desenvolver e aplicar tecnologias, gerenciar projetos e orientar processos necessários ao Programa Nuclear Brasileiro (PNB), à Marinha do Brasil e ao Programa de Desenvolvimento de Submarinos (PROSUB).

  • Diretoria Executiva da NUCLEP visita INB

    Na última quarta-feira (16/08), a NUCLEP realizou uma visita às Indústrias Nucleares do Brasil (INB). O presidente interino, Carlos Henrique Silva Seixas, o diretor Industrial,  Rogério Corrêa Borges, e o Diretor Comercial, Ricardo Corrêa, foram recebidos pelo presidente da INB, João Carlos Derzi Tupinambá. O encontro teve como objetivo aprimorar os conhecimentos no ciclo de combustível nuclear, que tem como etapas a mineração e beneficiamento, conversão, enriquecimento, reconversão e fabricação de pastilhas, fabricação do elemento de combustível e geração de energia.

    A INB atua em toda a cadeia produtiva do urânio, desde a extração e beneficiamento até a fabricação do combustível nuclear. A empresa investe forte no aumento de sua produção para que o Brasil tenha a energia que precisa para seu desenvolvimento. Além da atividade nuclear, a mesma desenvolve usinagem de componentes mecânicos de alta precisão, soldas especiais utilizando feixe de elétrons e análises de matérias  e processos a partir de técnicas como medição tridimensional de peças e sistemas de medição a laser.

    Também estiveram presentes os assessores da Diretoria Industrial, Cezar Luiz de França Silva e Marcio Ximenes.

  • Colaboradores da NUCLEP participam de curso da nova Lei das Estatais

    A Gerência Geral de Recursos Humanos realizou, entre os dias 9 e 11/08, no Auditório da Presidência, o curso “Quais as Mudanças nas Licitações e nos Contratos das Empresas Públicas, de acordo com a Lei Nº 13.303/16, das contratações diretas e dos contratos das empresas estatais”. Cerca de 100 colaboradores da NUCLEP participaram do encontro, que tem o objetivo de capacitar sobre as mudanças da Lei 13.303/16, a Nova Lei das Estatais, principalmente no âmbito das contratações, licitações e fiscalizações. “Ter participado do curso foi de grande valia, esclarecendo algumas dúvidas e vários pontos que a lei se refere”, complementou a Supervisora de Pessoal Monique Paes Ferrari. A palestra foi direcionada por Ronny Charles, da empresa In Company, especializada em treinamentos.

  • Treinamento da ISO 14001 marca início da jornada pela certificação ambiental da NUCLEP

    A Gerência Geral de Sistemas de Gestão de QSMS realizou, no último dia 8/08, o primeiro treinamento de Interpretação da Norma ISO 14001, com objetivo de dar sequência às atividades para a certificação ambiental da NUCLEP. O evento apresentou a estrutura e todos os requisitos da norma para a formação dos facilitadores de QSMS.

    “Sinto-me satisfeita ao saber do empenho e compromisso da direção em implantar a Norma ISO 14001”, declarou a Supervisora de Pessoal Roberta Alves Suarez. “O treinamento definiu com propriedade os papéis e responsabilidades dos facilitadores, assim como da empresa para a sociedade.”

    Para que todos os facilitadores de QSMS estejam treinados até a primeira quinzena de setembro, serão realizados mais dois treinamentos.

  • NUCLEP recebe visita de alunos de Santa Catarina

    Estudantes do Centro de Ciências Tecnológicas da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), localizada em Joinville, visitaram o parque industrial da NUCLEP nesta quarta-feira (09/08). Os técnicos industriais Ana Maria Ferreira e o Manoel Lopes de Oliveira Neto acompanharam mais de 40 alunos pelas instalações fabris. Os visitantes tiveram contato com as principais obras da NUCLEP, como o Submarino Tonelero, reforçando seu compromisso em atender as demandas estratégicas do país.

  • NUCLEP inaugura setor de Ouvidoria

    A NUCLEP realizou, na tarde desta quinta-feira (03/08), a cerimônia de inauguração do setor de Ouvidoria. O evento ocorreu no Auditório da Presidência e contou com a presença do ouvidor geral da União, Gilberto Waller Junior e o superintendente regional da Controladoria-Geral da União (CGU), Fábio do Valle Valga da Silva.

    Os convidados falaram sobre o desenvolvimento do trabalho do ouvidor e da importância da Ouvidoria para os setores da empresa e para o cidadão. Também estiveram presentes o diretor Industrial, Rogério Corrêa Borges, o diretor Comercial, Ricardo Corrêa, representantes do Sindicato dos Metalúrgicos e da Associação dos Empregados da NUCLEP (AEP), além de ouvidores de outras instituições e cerca de cem funcionários.

    O superintendente, durante sua fala, destacou a relevância do setor de Ouvidoria. “É um desafio extremamente importante dentro do contexto em que vivemos. A Ouvidoria é um instrumento imprescindível para aprimorar as questões que envolvem a transparência da administração pública”, disse.

    O objetivo do setor de Ouvidoria é colocar-se como canal receptor de críticas, sugestões, denúncias e reclamações aberto aos diversos níveis da empresa e ao cidadão.

  • NUCLEP entrega Seção 2B do futuro Submarino Tonelero

    A NUCLEP realizou, nessa terça-feira (25/07), a cerimônia de transferência da Seção 2B do SBR-3, Submarino Tonelero. A Seção foi entregue à Itaguaí Construções Navais (ICN), na presença da Diretoria Executiva da NUCLEP e dos representantes da Diretoria Executiva da ICN. O evento, realizado no Galpão Principal da fábrica, também contou com a presença do gerente do Empreendimento Modular de Obtenção dos Submarinos Convencionais do Programa de Desenvolvimento de Submarinos com Propulsão Nuclear (PROSUB), Capitão de Mar-e-Guerra (EN) Celso Mizutani Koga.

    A primeira chapa do Submarino Tonelero foi cortada em 13 de janeiro de 2015. A Seção 2B é composta pelas TR 8B, 9A, 9B e 10, pesa aproximadamente 71 toneladas e mede 11 metros de comprimento. A Seção 2B é a penúltima a ser entregue do SBR-3. O presidente interino, Seixas, parabenizou os trabalhadores envolvidos pelo comprometimento e ressaltou a responsabilidade da NUCLEP diante dos prazos estabelecidos.

    A previsão de conclusão das obras de fabricação do casco resistente do SBR-3 é setembro de 2017. O trabalho totaliza um tempo de 2 anos e 7 meses e demonstra o alto grau de maturidade da NUCLEP e da ICN no domínio das técnicas de construção adquiridas na transferência de tecnologia envolvida no PROSUB. O SBR-3 será o futuro Submarino Tonelero e é o terceiro de quatro submarinos de propulsão convencional em construção no contexto do PROSUB.

Páginas